Artista Pixy Liao contesta o lugar da mulher em relações amorosas

Pixy Liao e seu namorado em uma das fotos que experimentam o lugar do outro

 

O que aconteceria se mulheres se comportassem como homens machistas? E se meninos fossem tidos como criaturas frágeis, dóceis e submissos?

+ Concorra a um Kit MAM com bolsa personalizada e catálogos

Estranho, não é? A gente está tão acostumado com os padrões "normais" que esse exercício é, para muitos, motivo de tormenta.

+ Fotógrafo e skatista Fabiano Rodrigues fala sobre sua trajetória e como a arquitetura 

A artista Pixy Liao decidiu encarar o furacão e fez o teste com o seu namorado. Moro é seu nome. Em uma série de fotos experimentais, eles trocaram de lugar. Ele virou a menininha que precisa ser protegida e ele, o homem maduro que sabe de tudo.

Apesar de o tema ser super sério, Pixy Liao consegue colocar um pouco de humor nas imagens. A sugestão do riso é um recurso poderoso. Muitas vezes, nos mostram como comportamentos naturalizados são, na verdade, absurdos. 

 

(Créditos: Pixy Liao)

 

(Créditos: Pixy Liao)

 

(Créditos: Pixy Liao)

 

(Créditos: Pixy Liao)

 

(Créditos: Pixy Liao)

 

(Créditos: Pixy Liao)

 

(Créditos: Pixy Liao)

 

(Créditos: Pixy Liao)

 

(Créditos: Pixy Liao)

 

(Créditos: Pixy Liao)

 

(Créditos: Pixy Liao)

 

Comentários
Escola Entrópica no Instituto Tomie Ohtake Museu de Arte Moderna de São Paulo