"Black Mirror" é tema de curso no Sesc

 

No dia 4 de dezembro de 2011, a rede britânica de televisão Channel 4 fazia a transmissão do primeiro episódio da série Black Mirror. A partir de 2016, o seriado criado por Charlie Brooker passou a fazer parte do catálogo de atrações do Netflix, tornando-se sucesso no mundo todo e, principalmente, nos Estados Unidos. 

Inspirado na produção, o Centro de Pesquisa e Formação do Sesc decidiu reunir pesquisadores para discutirem os assuntos tratados na série no curso Sociedade Black Mirror. Trazendo a atmosfera sombria e satírica do programa, os debates examinarão os relacionamentos na sociedade contemporânea e as consequências das novas tecnologias.

O curso ocorrerá às segundas, de 3 a 24 de abril, das 19h30 às 21h30. As inscrições estarão abertas a partir de 23 de março, custando de R$ 15 a R$ 50. Fique atento, pois o número de vagas é limitado. 

Confira a programação:

3/4

White bear, Hated in the nation e White Christmas: Novas tecnologias de controle e a espetacularização da punição

Com Mauricio Stegemann Dieter, professor de Criminologia da Faculdade de Direito da USP, Pós-Doutor em Política Criminal pela UERJ e pesquisador no Instituto Max Planck. 
 

 

10/4

The Waldo moment: populismo e espetacularização da política

Com Pablo Ortellado, professor do curso de Gestão de Políticas Públicas da EACH-USP.

 

17/4

The national anthem: dilemas éticos na arte contemporânea

Com Luiz Guilherme Vergara, professor da UFF e PhD no Programa de Arte e Educação do Departamento de Arte da Universidade de Nova Iorque. 

 

24/4

San Junipero: avatares e sociabilidade no universo virtual

Com Claudio Luis de Camargo Penteado, professor Associado da UFABC, pesquisador do LabLivre (Laboratório de Tecnologias Livres) da UFABC e do NEAMP (Núcleo de Estudos em Arte, Mídia e Poder) da PUC SP.

 

  • Centro de Pesquisa e Formação do Sesc São Paulo - Rua Dr. Plínio Barreto, 285 - Bela Vista, São Paulo
    (11) 3254-5600
    + Ver mapa
  • 03/04/2017 a 23/04/2017
  • Segundas: 19h30 às 21h30.
  • R$ 50 (inteira), R$ 25 (meia) e R$ 15 (credencial plena do Sesc).
  • Classificação: 16 anos. É recomendável que os participantes assistam previamente aos episódios.
Veja mais
Comentários
Escola Entrópica no Instituto Tomie Ohtake Museu de Arte Moderna de São Paulo