Amor e ódio tomam conta de "Não Somos Amigas"

(Créditos: Ligia Jardim)

 

Dirigidas por Maria Maya, Lulu Pavarin e Sabrina Greve são as responsáveis por encenar Não Somos Amigas, texto de Michelle Ferreira em cartaz no Teatro Sérgio Cardoso. Na história, duas mulheres desenvolvem um diálogo confuso, como num labirinto retórico, envolvidas por amor e ódio. 

(Créditos: Ligia Jardim)

Juntas num apartamento localizado próximo a um aeroporto, as personagens desafiam o público a desvendar que tipo de relação as duas possuem. Quem são elas? Por que estão ali? O que realmente está acontecendo? Ninguém sabe: o espetáculo é um enigma.

"O irracional nos guia mais, não necessariamente melhor, mas bem mais do que o racional. Temos que admitir que a racionalidade não é uma grande coisa e nem nos levou a um lugar tão elevado. Muitas vezes desprezamos o corpo e suas sensações, e somos domesticados por primícias que nem se quer acreditamos. O espetáculo é que fala da vida e da morte, emociona o público e o leva à reflexão. É um tratado de memória, de conflito e de amor, com o qual é possível dialogar com as sensações de quem assiste", comentou a autora.

  • Teatro Sérgio Cardoso - Rua Rui Barbosa, 153 - Bela Vista, São Paulo
    (11) 3288-0136
    + Ver mapa
  • 16/09/2017 a 02/10/2017
  • Sábado e Segunda: 20h. Domingo: 19h30.
  • R$40 (inteira), R$20 (meia).
Comentários
Escola Entrópica no Instituto Tomie Ohtake Museu de Arte Moderna de São Paulo